Páginas

Pesquisar neste blog

13 de setembro de 2011

A pequena Tasha virou uma estrela no céu...

É sempre muito difícil e dolorido para todos do grupo Hammã ter que dar esse tipo de notícia, mas, infelizmente, isso faz parte do nosso trabalho também...

Desta vez viemos informar o falecimento da nossa pequena Tasha, resgatada há alguns meses pelo grupo Hammã depois de ser encontrada abandonada dentro de uma caixa de papelão numa rua de Aparecida de Goiânia. Na época ela era apenas um pequeno filhotinho e não pensamos nem duas vezes em realizar o seu resgate e seu tratamento. Relembre o relato de seu resgate e seu tratamento clicando aqui.

Tasha, resgatada pelo grupo Hammã em março de 2011.

Apesar dos esforços do grupo Hammã, da Cinthia (que apadrinhou Tasha após seu resgate) e do Dr. Dionísio (médico que fez e acompanhou o tratamento de Tasha), a saúde da nossa pequena acabou não resistindo à duas doenças recorrentes no seu histórico médico: a erliquiose e a anemia. Desde seu resgate, Tasha lutou contra essas duas enfermidades - e contra outras ocasionais. Contudo, apesar do tratamento, sua saúde debilitada não permitiu que ela permanecesse entre nós e Tasha faleceu há poucos dias, deixando todos nós profundamente tristes.

A Tasha, é bom lembrar, foi mais uma vítima do abandono - e provavelmente de maus tratos e/ou negligência. A fragilidade de seu sistema imunológico foi um dos resultados diretos do seu abandono, e assim como tantos outros, ela acabou pagando um preço muito alto por isso. Apesar de tudo, tentou reagir; e alegrou muito o nosso grupo e a casa de sua "madrinha", Cinthia, enquanto esteve viva. Talvez, se não tivesse sido abandonada como algo descartável, teria tido mais força para se recuperar e continuar sua vida com uma família digna da sua presença e alegria.

Em nome de Tasha e de outros cães que tiveram o mesmo destino por causas diversas, apresentamos o vídeo abaixo, para que cada ser humano repense sua postura diante da vida animal que nos cerca. Por último, gostaríamos de agradecer a todos que colaboraram direta ou indiretamente com o resgate e o tratamento da Tasha, assim como à Cinthia, por aceitá-la em sua casa, e ao Dr. Dionísio, por sua competência e esforços pela vida da nossa eterna pequena. Descanse em paz, Tasha.

2 comentários:

Iracema Friedrich disse...

Não podemos esquecer de agradecer o Dr. Arthur que também ajudou no tratamento da Tasha quando ela se encontrava naquele estado lamentável. Muito Obrigada!

Grupo Hammã disse...

Não devemos esquecer de nínguem!Somos gratos à todos,mesmo sem mencionar nomes,sabemos que a vida não só de Tasha,mas de tantos outros,que morreram ou que ainda vivem,em cada passo que dão,estão as pegadas de tantos humanos bons.Humanos que nos fazem acreditar que nosso trabalho,nosso sonho e nossa luta não é em vão.
Obrigada Iracema,à você também que abriu os braços do coração para se confraternizar com as necessidades de Tasha em sua chegada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...